Estamos em meio a uma transição planetária.
O que vai acontecer? O que está acontecendo?
Astrologicamente falando estamos vivendo essa transição literalmente.
Estamos saindo de uma era de Terra, indo para uma era de Ar.

E o que isso significa?

Que haverão mudanças estruturais no nosso planeta.
O elemento Terra é relacionado com tudo que é material, tem o foco em fazer dinheiro, conquistar, construir, atingir o sucesso, ser eficiente, produtivo, trabalhar.
Já o elemento Ar é relacionado com conceitos, ideias, tecnologia, e o compartilhar.

Tudo começou com o encontro de muitos planetas no signo de Capricórnio, incluindo Saturno e Plutão. Ou seja, a destruição (Plutão) das estruturas (Saturno).

Mas aqui eu quero falar sobre outra conjunção que é a de Júpiter com Saturno, que desde 1742 esse encontro acontecia em signos de fogo.
Em 1802 entrou em virgem, signo de terra e em 1821 voltou para áries que é fogo. 
Em 1842 foi para Capricórnio permanecendo em signos de terra até 1891, quando entrou em libra, signo de ar. 
Entre os anos 80 e 2000 tivemos uma fase em AR, foi uma prévia do que está por vir. Nesses anos vimos muitos avanços tecnológicos acontecendo, surgiu o primeiro computador, a internet, o telefone, smartphone, redes sociais…
Então em 2000 foi para touro, que é terra e agora em dezembro de 2020 irá para aquário, que é ar, entrando de vez na era do Ar.

Ou seja, antes da transição acontecer mesmo, a gente recebe esse preview do que será, voltamos para o elemento anterior para finalizar todos os assuntos relacionados a esse elementos e ai sim partimos para todas as conjunções do próximo elemento, que agora será Ar.

Nessa transição da era Terra para Ar, as indústrias ligadas com “terra” tem uma forte tendência a desaparecer, como por exemplo:
– Mineração;
– Combustíveis fósseis;
– Administração, contábeis, auditoria;
– Construções da maneira antiga;
– Auditoria;
– Consumismo, varejo e luxo;
– Gerenciamento de riquezas, investimentos, bancos tradicionais;
– Escolas do modo tradicional.

Em Terra, valorizamos muito as coisas materiais, o dinheiro, o poder. As pessoas são trabalhadores, o que importa é o fazer dinheiro, ser eficiente, produtivo, trabalhar, promoção, aumento de salário e as grandes corporações são o auge.

Vamos sair do material e ir em direção às ideias.
É uma mudança estrutural planetária e 2020 é a transição para essa nova era.

A era de AR tem foco nas ideias, nos conceitos, na tecnologia.
Para vivermos essa transição, a palavra da vez é ADAPTAÇÃO.
Precisamos nos adaptar, utilizar a criatividade para resolver os novos desafios, encontrar novas formas de resolver as coisas.

Como se adaptar?
Compartilhando nossas ideias. 
O que você pode produzir?
O que você sabe? 
Qual seu conhecimento? 
Como você pode ensinar, transmitir seu conhecimento para outras pessoas?
Lembram que 2020 é o ano do sol, exatamente o ano pra gente ir de encontro com a nossa essência e se redescobrir.
Chegou a hora da gente se conhecer em essência, lembrar da nossa autenticidade, do que realmente gostamos de fazer, de buscar a nossa criança interior.
Precisamos reaprender a ser criança. Redescobrir um mundo novo interna e externamente.
O que você gostava de fazer quando era criança? Quando não existia o fazer em troca de dinheiro?

Precisamos agora, nos conhecer mais do que tudo e utilizar a nossa auto expressão, nossa personalidade e principalmente nossa autenticidade para fazer as nossas coisas, fazer o que sabemos fazer, ensinar o que sabemos ensinar. colocar os nossos dons à serviço.
Acredito que viveremos mais em comunidades, ensinando e aprendendo uns com os outros.

E todo mundo sabe algo, aqui não estou falando sobre coisas grandiosas e sim das mais simples.
Por exemplo: em vez de eu vender um produto, eu ensino as pessoas a fazer esse produto.
Já imaginou se o dinheiro deixa de existir?

Tudo isso que estamos vivendo hoje é uma preparação para essa Nova fase do nosso  Planeta Terra.
Essa conjunção vai acontecer em Dezembro. Ainda temos muito caminho pela frente e até lá, vamos enfrentando os desafios e focando na nossa saúde mental e emocional.
Vamos cuidar do nosso psicológico para passar por tudo isso da melhor forma possível.

O que virá a seguir?
Não há como saber exatamente, mas algumas coisas que provavelmente estarão presentes são:
– coisas automáticas e processos instantâneos
– utilizar a tecnologia trazendo mudanças para a comunidade
– explorar a auto expressão, a nossa personalidade, fazer nossas próprias coisas
– o escritório pode ser em qualquer lugar
– Freelancers, os empregados com salário fixo podem acabar, as pessoas serão contratadas para fazer um trabalho específico, sem vínculos.
– a influência vale muito mais do que nomes e grandes marca.
– Comunidades vão crescer.
– estilo de vida minimalista, ter o mínimo e necessário.
– produtos alternativos, naturais, feitos em casa.
– energia limpa, renovável e gratuita.

A tecnologia vai avançar muito rápido e ao mesmo tempo vamos viver mais em comunidades.
Como será esse Novo Mundo? Não sei! Mas estou animada para viver isso tudo que está por vir.

“A coragem não é ausência de medo”. Coragem é enfrentar algo mesmo com medo.

Partiu Nova Era.

Encontrei por acaso esse conteúdo e ressoou com o que acredito e senti de compartilhar com vocês.
Aqui fiz um resumo dos Mantras que achei mais interessante mas vocês podem acessar o conteúdo completo clicando aqui. Ps.: tem muita coisa boa por lá.
O conteúdo é do Numerólogo Gilson Chveido Oen.

Sobre os Mantras

Os mantras são palavras, sílabas ou frases que carregam uma vibração poderosa e transformadora. São como afirmações porém, com muito mais força e rapidez de efeito.

Promovem transformações interiores e energéticas. Nos ajudam a atingir uma sensação de poder, com tranquilidade, harmonia e realizações bem sucedidas. Muda a nossa vibração. Como nós atraímos aquilo que vibramos, falando o mantra, mudamos a nossa frequência vibracional e atraímos mais daquilo que queremos.

Como utilizar os Mantras

É necessário que o Mantra seja vivenciado várias vezes por dia pelo nosso cérebro para que entre em nós. Fazemos isso através dos nossos sentidos sensoriais.
E o mais importante é lembrar a grafia dele. Preste atenção nas letras. A forma como você vai falar ou cantar não importa.

  1. Escreva o Mantra e coloque em lugares onde você veja várias vezes por dia. No espelho, na bolsa, na geladeira, na agenda..
  2. Uma vez ao dia, fique diante do espelho, se olhe nos olhos e repita 3x o Mantra.
  3. Escreva o Mantra pelo menos uma vez por dia no papel de forma lenta e profunda, apertando a ponta da caneta contra o papel.
  4. Durante o dia, fale ele várias vezes. Seja em voz alta ou baixa. Sinta a vibração do som das palavras.

Temans

Ele também desenvolveu Temans que são super Mantras em forma de poesia que nos ajudam a materializar nossos desejos fisicamente com mais facilidade e rapidez. São 3 para 2020. Trouxe 2 que senti de escrever aqui. Escolha apenas um deles e repita algumas vezes por dia

Voando pela natureza dos sonhos
Encontrei a beleza do impensável
Cheguei ao ardor dos desejos
Que de meus nunca foram tão tantos.

Nasci no domingo
Cresci na semana
Descansei no sábado
Sou um cara bacana

Mantras 2020

Mantras para se conectar com a energia de 2020 e promover uma comunhão nossa com o universo.

Um Show de Prosperidade 2020

Gargalhadas Deliciosas 2020

Outros mantras de 2020 para assuntos diversos:

Para Ajudá-lo a Entrar Num Fluxo de Prosperidade

Gumel Zoabati Bemerim

Para Ajudá-lo A Encontrar Soluções Fora da Caixa

Dunoriz Gionanta

Para Enriquecer Com Facilidade

Loucos de Felicidade

Para Concretizar Boas Parcerias de Negócios

Gundariama Tonzime

Para Conquistar Uma Relação Maravilhosa

Tuma Nolgezi

Para o Universo Colocá-lo Numa Estrada Muito Boa

Veganome Lonbuzi

Para Ser Bem Sucedido Numa Entrevista de Emprego e Ser Contratado

Iuxi Bamonacoti 

 Para Levá-lo a Viver Uma Realidade Repleta de Prazer e Muito Cooperativismo Evolutivo

Fendizola

Para  receber do Universo Amor, Prazer e Um Enorme Poder Para Conquistar o Que Desejar

Zonidil

Para Ajudar Uma Pessoa a Emagrecer Numa Dieta Tornando Seu Metabolismo Mais Eficiente na Queima de Gorduras

Nerans Toginzidum Ledice Vingo

Para Fazer Uma Conexão de Amor

Lodemorabis Gluzir

Para Criar em Volta de Você Uma Bolha de Proteção.

Bonzilgim

Gilson fala sobre levar 21 dias para fazer efeito.
E ai, vamos testar??
Deixo aqui um vídeo dele onde ele explica um pouco mais sobre os Mantras de 2020.
Espero que vocês gostem e aproveitem muito tudo isso.
Que nosso 2020 seja um show de prosperidade e com gargalhadas deliciosas 🙂

É uma técnica Havaiana de cura energética através da limpeza de memórias. Faz-se isso através da repetição do mantra:

Sinto Muito
Me perdoe
Eu te amo
Sou grato

Ao praticar o Ho’oponopono, pedimos ao Criador que limpe e purifique as memórias ruins que se repetem. “Sinto muito” é o reconhecimento de que algo está no nosso corpo ou na nossa mente; é um pedido de perdão por isso. “Me perdoe” é um pedido ao Criador para que nos ajude a nos perdoar e perdoar o outro. “Te amo” transmuta a energia bloqueada e “Sou grato” é a expressar a gratidão e a nossa fé de que tudo será resolvido para o bem de todos.

Como e quando utilizar?

Eu utilizo muito o Hooponopono quando não posso fazer nada sobre uma situação ou quando envolve outras pessoas. Por exemplo, na nossa viagem das Filipinas fiz muito enquanto andávamos de carro sem cinto e de moto sem capacete.

Ho’oponopono também ajuda em momentos onde alguém faz algo que julgamos ser ‘errado’ e consequentemente julgamos a pessoa. Mas quando você começa a repetir as palavras, você vai limpando e também evita de que pensamentos de julgamento invadam a sua mente.

Também dá para fazer a qualquer momento, principalmente quando alguma energia de baixa vibração nos invade. Como por exemplo: ansiedade, tristeza, angústia, medo…

É muito incrível praticar porque em qualquer momento de tensão, é só repetir as palavras sem parar que a gente começa a sentir a energia melhorando e amenizando a situação. 
Façam para comprovar.

Para quem quiser se aprofundar um pouco mais no assunto, fica aqui a dica de dois livros que li sobre esse assunto:

Limite Zero de Joe Vitale

Esse livro nos chama para assumirmos a total responsabilidade sobre a nossa vida.
Tudo o que acontece, todas as situações, todas as pessoas que nos relacionamos, tudo que aparece na nossa vida é nossa responsabilidade. E o que fazer?
Praticar o Hooponopono:
Eu sinto muito
Me perdoe
Eu te amo
Sou grato.
Assim vamos purificando memórias e resolvendo tudo que está no nosso caminho.

Ho’oponopono para todos os dias de Maria-Elisa Hurtado-Graciet

Essa autora traz umas visão ainda mais amorosa sobre o ho’oponopono, baseado no amor,  no perdão e na gratidão. Mostrando que somos os únicos responsáveis pela realidade que criamos. E que, para criar coisas boas na nossa vida, precisamos espalhar amor e gratidão. 
Segundo ela, Ho’oponopono pode ser traduzido por: colocar as coisas em ordem ou restabelecer o equilíbrio.

E aqui, deixo a Oração completa do Ho’oponopono para vocês fazerem toda vez que sentirem de fazer:

“Divino Criador, Pai, Mãe, Filho, todos em Um. Se eu, minha família, meus parentes e antepassados, ofendemos sua família, parentes e antepassados, em pensamentos, fatos ou ações, desde o início de nossa criação até o presente, nós pedimos o seu perdão. Deixe que isso se limpe, purifique, libere e corte todas as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas. Transmute essas energias indesejáveis em pura luz e assim é.

Para limpar o meu subconsciente de toda carga emocional armazenada nele, digo uma e outra vez, durante o meu dia, as palavras-chave do ho’oponopono: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. Declaro-me em paz com todas as pessoas da Terra e com quem tenho dívidas pendentes. Por esse instante e em seu tempo, por tudo o que não me agrada em minha vida presente: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. Eu libero todos aqueles de quem eu acredito estar recebendo danos e maus tratos, porque simplesmente me devolvem o que fiz a eles antes, em alguma vida passada: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. 

Ainda que me seja difícil perdoar alguém, sou eu que pede perdão a esse alguém agora. Por esse instante, em todo o tempo, por tudo o que não me agrada em minha vida presente: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. Por esse espaço sagrado que habito dia a dia e com o qual não me sinto confortável: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. Pelas difíceis relações às quais só guardo lembranças ruins: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. 

Por tudo o que não me agrada na minha vida presente, na minha vida passada, no meu trabalho e o que está ao meu redor, Divindade, limpa em mim o que está contribuindo para minha escassez: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato.

Se meu corpo físico experimenta ansiedade, preocupação, culpa, medo, tristeza, dor, pronuncio e penso: “minhas memórias, eu te amo. Estou agradecido pela oportunidade de libertar vocês e a mim”. Eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato. Neste momento, afirmo que te amo. Penso na minha saúde emocional e na de todos os meus seres amados. Te amo.

Para minhas necessidades e para aprender a esperar sem ansiedade, sem medo, reconheço as minhas memórias aqui neste momento: eu sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato.

Amada Mãe Terra, que é quem eu sou: se eu, a minha família, os meus parentes e antepassados te maltratamos com pensamentos, palavras, fatos e ações, desde o início da nossa criação até o presente, eu peço o teu perdão. Deixa que isso se limpe e purifique, libere e corte todas as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas. Transmute essas energias indesejáveis em pura luz e assim é.

Para concluir, digo que esta oração é minha porta, minha contribuição à tua saúde emocional, que é a mesma que a minha. Então esteja bem e, na medida em que vai se curando, eu te digo que: eu sinto muito pelas memórias de dor que compartilho com você. Te peço perdão por unir meu caminho ao seu para a cura, te agradeço por estar aqui em mim. Eu te amo por ser quem você é”.

Vou tentar resumir as principais ideias do livro: Os Quatro Compromissos de Don Miguel Ruiz. Mas recomendo muito a leitura completa. É um dos livros que mais indico porque sei que transforma nossa vida. Esse ano li ele pela segunda vez. É realmente muito bom e transformador. É um livro que explica muito bem como viver melhor em sociedade. Mas lembre-se: um livro é só um livro! A mudança começa no momento que colocamos em prática o que aprendemos lendo.

Nossa natureza pura é sermos amor e luz.
Somos energia, assim como tudo que existe no mundo.
Porém, estamos vivendo em um sonho.
Esse sonho, é o sonho dos seres humanos.
Tudo que vemos e ouvimos nesse momento é um sonho. 
Estamos sonhando agora. A principal função do cérebro é sonhar e esses sonhos duram 24h por dia. Sonhamos quando estamos dormindo e quando estamos acordados.
Vivemos um sonho coletivo de milhares de sonhos pessoais menores.
É o sonho da nossa família, da comunidade, da cidade, do país e do planeta.
Esse sonho é formado por todas as regras da sociedade, suas crenças, leis, religiões, culturas, escolas, eventos sociais, tudo.
Os seres humanos que vieram antes de nós nos ensinaram a sonhar o sonho deles, da sociedade; e os seres humanos antes desses, também ensinaram esse mesmo sonho.
Quando uma criança nasce, já apresentamos para ela as regras do sonho. 
Através da repetição vamos aprendendo como nos comportar em sociedade, no que acreditar e não acreditar, o que é bom, o que é mau, o que é bonito e o que é feio.
Tudo isso nos foi apresentado pronto, todos esses conceitos e regras de como se comportar.

“Não foi sua escolha falar português, você não escolheu sua religião nem os valores morais – eles já existiam antes de você nascer. Nunca tivemos a oportunidade de escolher em que acreditar ou não acreditar. Nunca escolhemos o menor desses acordos – nem sequer nosso próprio nome”.

Não escolhemos nossas crenças, elas foram impostas por outros seres humanos.
Foi assim em toda a nossa infância.
Crianças acreditam em adultos. 
Fomos domesticados com essas crenças, sem ter o poder de escolha. 
Se seguimos as regras somos bons filhos, se não seguimos somos maus filhos e ficamos de castigo. 
Fomos crescendo e aprendendo com punições e recompensas. 
Assim, também aprendemos a como chamar a atenção dos nossos pais e ao passar dos anos, queremos mais atenção, atenção de outras pessoas. E a sensação de ter atenção é tão boa que começamos a fazer só o que os outros querem que a gente faça, para receber mais e mais atenção. 
O medo da punição nos leva a fingirmos ser o que não somos para agradar e sermos suficientemente bons para os outros.
Temos medo da rejeição, de não ser aceito e esse medo se transforma em não ser bom o suficiente. E aos poucos vamos perdendo nossa essência natural para nos tornarmos cópias de crenças de outras pessoas.
Essa domesticação é tão forte que aos poucos nós mesmos vamos nos domesticando e nos punindo quando não seguimos as regras.
Nosso sistema de crenças é como um “Livro de Leis” que regula a nossa mente. O que estiver ali, seguimos sem questionar. E assim, aprendemos a julgar. Julgamos a nós e aos outros.
Temos um juiz interno, que fica julgando o tempo todo, a vida toda.
Dentro de nós também temos a vítima. Aquela que carrega a culpa, a vergonha e a responsabilidade. Aquela que se lamenta e que não se acha boa o suficiente. 
Se tentamos fazer algo diferente do que está no Livro das Leis, sentimos insegurança, culpa e nos punimos. E este juiz interno nos cobra e nos pune muitas vezes. Cada vez que lembramos, sentimos a culpa, a vergonha de novo. E não fazemos isso só com a gente, fazemos com quem amamos também, ficamos relembrando os erros das outras pessoas e fazendo eles pagarem várias e várias vezes pelo mesmo erro. 

“O ser humano é o único animal na Terra que paga milhares de vezes pelo mesmo erro”.

“No sonho do planeta é normal que os seres humanos sofram, vivam com medo e criem dramas emocionais”.

É o medo que controla esse sonho planetário. Somos regidos pelo medo, vivemos em um sonho bem assustador.
Se compararmos as definições de inferno com o sonho da sociedade, já estamos vivendo dentro dele: punição, medo, dor e sofrimento. E tudo isso acontece dentro da nossa mente.
Se criamos tudo isso, podemos descriar e viver um sonho mais agradável.
Estamos cegos. E essa cegueira é causada pelas nossas crenças. 
Não conseguimos ver que somos seres livres.

“A morte não é o maior medo que os homens possuem, nosso maior medo é estar vivo. Assumir o risco de viver e de expressar o que somos na realidade – isso é o nosso grande medo”.

A pessoa que mais fez você sofrer foi você mesmo, se julgando, não aceitando quem você realmente é, rejeitando a si mesmo. Se punindo por não ser quem você acredita que deveria ser. Fingindo ser alguém que não é só para se encaixar. Se julgando e se autodestruindo.
O limite desse auto-sofrimento é o mesmo que você tolera nos outros. Se alguém te faz sofrer mais que você mesmo, você se afasta dessa pessoa; mas se a pessoa te faz sofrer um pouco menos do que você mesmo, você é capaz de permanecer num relacionamento ruim eternamente. 

“Se você se impõe sofrimentos grandes demais, pode até tolerar alguém que bate em você, humilha-o e o trata como um verme. Por quê? Porque em seu sistema de crenças é como se você dissesse: “Eu mereço. Essa pessoa está fazendo um favor por estar comigo. Não sou digno de amor e respeito. Não sou bom o suficiente”. 

Todo esse sofrimento vem da auto-rejeição e essa rejeição vem da nossa imagem de perfeição ou de algo ideal. Por isso que não nos aceitamos e não aceitamos os outros. Somos apenas espelhos.

Um novo sonho

Todas essas crenças só foram armazenadas porque concordamos com elas. Quando acreditamos em algo, colocamos fé de que aquilo é real. Precisamos de coragem pra sair fora desse livro. Não escolhemos nenhuma dessas crenças porém, concordamos com elas. Só que 90% dessas crenças são falsas. E só sofremos porque acreditamos nelas.
Nós também temos os nossos próprios compromissos  e isso é o que falamos ser a nossa personalidade: eu sou assim, eu gosto disso, não gosto daquilo. Essas são as nossas crenças mais importantes. Para vivermos uma vida feliz e realizada precisamos desfazer crenças baseadas no medo e viver a partir de crenças baseadas no amor. Ou seja, mudar aquelas que nos fazem sofrer.
Se não gostamos do sonho em que estamos vivendo, precisamos mudar as leis do nosso sonho, e os 4 compromissos que o livro aborda podem nos ajudar a fazer isso.
Vamos em busca do nosso poder pessoal, ele é capaz de romper essas leis criar novas. 

Os 4 compromissos

1- Seja impecável com a sua palavra: é através das nossas palavras que manifestamos as nossas intenções. O que sonhamos, sentimos e pensamos é manifestado pelas palavras. Nossa palavra tem poder. Tanto para nós quanto para os outros. Através das palavras podemos ferir ou ajudar alguém.

2- Não leve nada para o lado pessoal: o que quer que aconteça, o que quer que te digam, não leve para o lado pessoal. As pessoas falam e fazem o que elas têm dentro delas. Nunca tem a ver com você, sempre tem a ver com a própria pessoa e o que ela tem dentro dela. Quando levamos algo para o lado pessoal, temos o impulso de querer defender as nossas crenças e assim criamos conflitos. Você não precisa aceitar o que te dizem. Acredite mais em você. Confie mais em você. O que os outros dizem só fala sobre eles mesmos. 

3- Não tire conclusões: temos a tendência natural de presumir as coisas e achar que sabemos o que o outro está pensando ou fazendo. O porque disso e daquilo. Tiramos conclusões precipitadas e já levamos para o lado pessoal. Então, simplesmente faça perguntas. E pelo outro lado também, fale o que você sente, o que você pensa. Não espere a outra pessoa adivinhar o que você quer.

4- Sempre dê o melhor de si: sob qualquer circunstância, dê o seu melhor. Faça o melhor que pode em todos os momentos. Mas saiba que o seu melhor nem sempre vai ter o mesmo padrão todos os dias. Tem dias que estamos mais dispostos e outros nem tanto. Por isso, dê o seu melhor de acordo com o que você sente. Assim, você se sente bem com você mesmo e não tem nenhum sentimento de arrependimento.

A Astrologia é uma ferramenta poderosa para compreendermos nossas forças, talentos, preferências, fraquezas, conflitos internos e externos, e principalmente, a nossa atitude perante a vida. E compreendendo isso, podemos desenvolver a vontade de resolver, melhorar e transformar as coisas.

A astrologia traz luz para que através da sabedoria, possamos mudar.
Todos os desafios que passamos na vida podem ser chaves para as nossas maiores transformações e mudanças. Muitas vezes são esses momentos que funcionam como combustíveis para motivar a nossa auto transformação.
Resumindo: astrologia é o estudo dos planetas e da relação deles com a nossa vida.

O que é um Mapa Natal?

É uma foto do céu no momento que nascemos. A maneira que estava o universo no momento dessa foto, influencia toda a nossa vida. É a partir disso que temos a nossa percepção de mundo. O nosso mapa é apenas a forma como nós vemos o mundo, como experienciamos tudo que acontece. É o nosso ponto de vista sobre as coisas, pessoas e situações.

É o que nós pensamos da vida. A nossa visão sobre a vida. A nossa perspectiva de tudo.

O mapa nada mais é do que um reflexo nosso, o que vivemos está ali, o que está ali nós vivemos. Ele é literalmente um mapa que nos ajuda a achar os melhores caminhos e aproveitar melhor a nossa jornada aqui nessa vida.

Uma coisa importante de ter consciência: nossos mapas não são fechados e nem parados. Podemos transformar tudo quando temos a consciência daquilo que sentimos, de como agimos e de como pensamos.
Somos nós que criamos a nossa realidade a partir daquilo que acreditamos, as nossas crenças, então, se acreditarmos que algo é ruim, será ruim, se acreditarmos que algo é bom, será bom.

Fazendo uma analogia do Mapa Natal com uma peça de teatro:
Os planetas são os personagens.
Os signos são as fantasias, roupas.
E as casas são as cenas onde a ação acontece.
Nós podemos expressar nossos planetas, signos, casas e aspectos de forma positiva ou negativa. A escolha sempre será nossa.

As energias do nosso mapa podem ser destrutivas e nos impedir de sermos felizes ou construtivas e promoverem muita felicidade e crescimento. Isso não depende da configuração do nosso mapa, mas sim, da nossa vontade de desenvolver a nossa consciência e esforço para transformar o negativo no positivo.

A nossa vida está nas nossas mãos.

Temos nosso livre arbítrio para fazer escolhas durante toda a vida.

Podemos nos transformar a qualquer momento.

Temos infinitas possibilidades.

E tudo que escolhemos viver, independente das dificuldades, nos faz crescer e nos faz evoluir. Afinal, estamos aqui para isso.

O que é Revolução Solar?

O Mapa da Revolução Solar é o momento que o Sol volta ao exato grau que ele estava no dia que nascemos.
Ele vale de um aniversário até o próximo aniversário.
A interpretação da Revolução solar é feita em relação ao Mapa Natal, por isso é essencial fazer o Mapa Natal antes de fazer uma Revolução Solar.

Esse é o Mapa que mostra as tendências do nosso ano, o principal foco, onde podemos colocar mais energia, onde precisamos prestar mais atenção, onde podem ser nossas falhas durante o ano.
Todo ano ganhamos um signo de presente, para integrar e aprender mais ainda sobre as energias desse signo que na Revolução Solar é representado pelo ascendente.

O que são trânsitos?

Os trânsitos são o movimento dos planetas nesse momento e como eles estão influenciando agora na nossa vida. Essa interpretação também é feita a partir do Mapa Natal.

Todos os planetas estão sempre em movimento, uns de forma mais lenta e outros de forma mais rápida, e o lugar onde eles estão transitando em relação ao nosso Mapa Natal pode nos ajudar a entender certos acontecimentos.

A astrologia é uma fonte de muito autoconhecimento.
Estar consciente de todas essas influências e energias
é uma maneira de conseguirmos ter ainda
mais controle sobre a nossa vida.
Quanto mais consciência, mais liberdade.
Quanto mais liberdade, mais felicidade.

Oi gente, tudo bem?
Convidei a Tamara do @alquimiasdeumafada para falar um pouco mais sobre Chakras.

Acho esse assunto super relevante e sabendo mais sobre ele podemos melhorar o nosso bem-estar de forma mais geral.
Segue aqui o texto dela:

Olá! Meu nome é Tamara, sou Terapeuta Reikiana e faço leitura de Tarô Terapêutico! Fui convidada pela Carlinha para falar um pouco sobre os Chakras, o que são e o que representam. Bom, é provável que você já tenha ouvido falar sobre eles em algum momento da sua vida. Eles são centros de energia que se encontram ao longo do nosso corpo e fazem a interação do não físico com o físico.
Vamos considerar aqui 7 Chakras principais: Básico, Sexual, Plexo Solar, Cardíaco, Laríngeo, Frontal e Coronário. Esses vórtices de energia funcionam absorvendo e distribuindo energia vital para o nosso corpo, para nos mantermos saudáveis fisicamente, mentalmente, espiritualmente e emocionalmente.
Cada Chakra corresponde a uma glândula em nosso corpo, cada um tem uma cor, um elemento, e um mantra, e é estimulado de uma maneira.

Chakra Básico

Cor: Vermelho
Mantra: “LAM”
Elemento: Terra
Cristal: Cornalina
Esse Chakra está localizado na base da coluna vertebral e está relacionado com a nossa ligação ao mundo físico, a vontade de viver, a força, a nossa capacidade de escolha e de buscarmos nossos objetivos.
Em equilíbrio: temos coragem, desejo de fazer as coisas acontecerem, nos sentimos seguros, confiantes e gratos pela nossa vida onde quer que a gente esteja.
Em desequilíbrio: somos tomados pela insegurança, por preocupações de cunho material, há uma tendência aos excessos e vícios, podemos querer nos afastar das outras pessoas e consideramos a vida um fardo.
Como equilibrar: Meditar mentalizando a cor vermelha. Caminhar de pés descalços na terra, sentar-se nela, senti-la. Observar o pôr do sol fazendo uma respiração consciente.

Chakra Sexual

Cor: Laranja
Mantra: “VAM”
Elemento: Água
Cristal: Pedra da Lua
Ele fica localizado logo abaixo do umbigo. Está relacionado aos nossos desejos, a nossa criatividade, ao que nos dá prazer, ao dar e receber.
Em equilíbrio: sentimento de prazer nas ações, agimos com vontade, de forma natural. Conseguimos nos relacionar de forma harmoniosa, tolerando as diferenças.
Em desequilíbrio: faz com que vejamos a vida sem cor, sem graça. Falta entusiasmo, auto valorização, vontade de viver. Podemos ter a sexualidade reprimida ou exagerada. Há uma tendência ao ciúme extremo e a intolerância.
Como equilibrar: Meditar mentalizando a cor laranja. Tomar banho em águas cristalinas. Contemplar a luz da Lua.

Chakra Plexo Solar

Cor: Amarelo
Mantra: “RAM”
Elemento: Fogo
Cristal: Citrino
Localizado na altura da boca do estômago, esse Chakra tem relação com o nosso poder pessoal. Em equilíbrio: temos autocontrole, conseguimos ter autoridade sobre as nossas atitudes, nos sentimos bem, com energia, temos clareza.
Em desequilíbrio: podemos sofrer com o medo desenfreado, dificuldade para nos sentirmos relaxados, medo do desconhecido, nervosismo.
Como equilibrar: Meditar mentalizando a cor amarela. Tomar banho de sol no máximo até às 10h da manhã.

Chakra Cardíaco

Cor: Verde/ Rosa
Mantra: “YAM”
Elemento: Ar
Cristal: Quartzo rosa/ Esmeralda
Ele está localizado no centro do peito. É o Chakra do amor!
Em equilíbrio: somos capazes de amar de forma incondicional, sabemos nos colocar no lugar do outro, conseguimos dar e receber afeto, somos confiantes, calmos e equilibrados.
Em desequilíbrio: temos dificuldade na troca de afeto, podemos nos tornar frios, tristes, angustiados. Não conseguimos nos conectar a fonte mais pura de amor. 
Como equilibrar: Meditar mentalizando a cor verde ou rosa. Entrar em contato com uma floresta, fazer uma trilha em um lugar com bastante verde.

Chakra Laríngeo

Cor: Azul Claro
Mantra: “HAM”
Elemento: Éter
Cristal: Sodalita
Localizado na garganta, este Chakra esta relacionado a nossa expressão.
Em equilíbrio: conseguimos expressar o que somos, falar de acordo com a nossa vontade, temos habilidade na hora de comunicar o que sabemos.
Em desequilíbrio: temos dificuldade de expressão, sentimos insegurança, temos medo de falar o que pensamos, sentimos o famoso “nó na garganta” por não conseguirmos expressar o que gostaríamos. 
Como equilibrar: Meditar mentalizando o azul claro. Olhar para o céu sem nuvens, observar o mar, entoar mantras.

Chakra Frontal

Cor: Azul Índigo
Mantra: “OM”
Elemento: Não tem
Cristal: Lápis Lazúli
Encontra-se no centro da nossa testa, é o famoso terceiro olho! Esse Chakra tem relação com a nossa intuição, com o nosso poder de percepção do não físico.
Em equilíbrio: temos nossa intuição, conseguimos nos concentrar de forma eficaz.
Em desequilíbrio: somos rígidos na forma de pensar, não conseguimos ver as coisas como um todo, vivemos apenas pela razão, temos medo e falta de concentração.
Como equilibrar: Meditar mentalizando a cor azul índigo. Olhar para o céu estrelado a noite.

Chakra Coronário

Cor: Violeta
Mantra: “OM”
Elemento: Não tem
Cristal: Ametista
Localizado no topo da cabeça, o Coronário, ao contrário do Básico que nos liga ao mundo físico, nos liga ao mundo não físico.
Em equilíbrio: sentimos plenitude, conseguimos nos conectar ao todo, nos ligamos a nossa essência mais pura, temos fé em algo superior.
Em desequilíbrio: nos sentimos separados de tudo, temos muito medo e dessa forma acabamos desequilibrando os outros Chakras.
Como equilibrar: Meditar mentalizando a cor violeta. Entrar em contato com a natureza, observar o horizonte, olhar para as pequenas coisas da vida, observar tudo a sua  volta sentindo-se parte do Todo.

Essa foi uma breve explanação de cada Chakra! Além dos exercícios para equilíbrio, se você sente que tem um ou mais em desequilíbrio por conta de traumas, abusos, procure ajuda! Muitas situações podem desequilibra-los e até bloqueá-los.


Outras atitudes que também ajudam no alinhamento dos Chakras:

  • meditar,
  • alimentação saudável,
  • praticar algum tipo de exercício físico,
  • fazer algo que gosta,
  • reservar um tempo para si

Não há nada mais importante que cuidarmos de nós mesmos.

Cuide de você, se ame, se respeite!

Ano Novo

Ano Novo Astrológico é quando o Sol entra no signo de Áries. É também, quando acontecem os Equinócios, o de Primavera no Hemisfério Norte e o de Outono no Hemisfério Sul.
Esse ano o Ano Novo acontece hoje, dia 20 de março de 2019.
Áries é o primeiro signo do zodíaco. Ele representa os inícios, os começos, a energia de ação, atitude, vontades.
E com a entrada do Sol no signo de Áries, o ano de 2019 passa a ser regido pelo Planeta Marte, o planeta da guerra, das nossas vontades, da nossa coragem, é o planeta que traz a tona a nosso poder pessoal e o nosso espírito guerreiro.
2019 será um ano de muita energia, acontecimentos, aquele ano pra gente lutar por aquilo que queremos e decidir aquilo que não queremos para a nossa vida.
Um ano de regeneração e libertação, vamos ganhar forças para ir além.
2018 foi regido pelo planeta Júpiter, que estava no signo de escorpião, ou seja, foi uma expansão das sombras, tudo que estava escondido apareceu pra gente poder curar, transformar, arrumar e 2019 vem com essa energia de novos começos e ação.

Sol em Áries


Sol em Áries vai ativar em nós essa vontade de olhar mais pro nosso eu.
É um momento muito bom para trabalharmos a nossa relação com nós mesmos. Converse com você, com o seu eu superior. Reflita sobre como você se relaciona com você mesmo. O quanto você se conhece? Como você se reconhece?
Como está o seu autoconhecimento?
Revise esses assuntos. Relembre tudo o que você aprendeu até hoje sobre isso tudo e comece a aplicar na sua vida. A hora é agora. Cuide melhor da sua alma.
Quais são os seus defeitos? Quais são as suas qualidades?
Se olhe no espelho e pergunte:
eu me amo? Eu me respeito?
Como eu posso ser melhor?
Vamos aproveitar essa energia de ação e de impulso de Áries para começar as mudanças na nossa vida.
Às vezes não sabemos exatamente para onde ir e nem como ir mas, quando damos o primeiro passo, os caminhos vão aparecendo.

Lua Cheia


Começamos o Ano Astrológico com a Lua Cheia em Libra.
Sol em Áries – Lua em Libra.
Áries e Libra são signos opostos e complementares.
Enquanto Áries fala sobre o eu, Libra fala sobre nós.
É o momento de encontrar o equilíbrio entre essas duas energias.
O que eu quero?
O que o outro quer?
Como fazemos para equilibrar o nosso querer?
Áries é independência, é fazer as coisas do seu jeito, é impulsividade, iniciativa, começos.
Libra é ponderação, equilíbrio, é olhar para o outro, é a colaboração do outro na nossa vida.
Estamos tendo aí a possibilidade de encontrar o equilíbrio entre o eu e o nós em todos os tipos de relacionamentos: amorosos, familiares, amizades, parcerias, grupos.
Olhe para o outro sem deixar de ver você.
Esteja com o outro sem abrir mão das suas necessidades.
Não perca a sua individualidade dentro dos seus relacionamentos.
Procure um ponto de equilíbrio entre o que você quer e o que o outro quer.
Não se anule dentro de um relacionamento mas também não tome conta por inteiro.
Pense em você e pense no outro.

Lua cheia sempre é tempo de colher os frutos do que plantamos na Lua Nova.

Podemos ver os resultados ou podemos ver onde melhorar o que estamos construindo na nossa vida.
É tempo de conseguir enxergar melhor os fatos, as situações e os acontecimentos.
A lua cheia ilumina tudo, principalmente o nosso subconsciente, as nossas emoções e sentimentos. Ficamos mais sensíveis e emotivos. Sentimos tudo com mais intensidade.
Tudo fica mais aflorado e intenso. Cuidado com os exageros.

eclipses 2019

Todos os eclipses decidem algo na nossa vida e a melhor maneira de se preparar para eles é descartando o que não queremos mais na nossa vida para criar espaço para o novo e mais alinhado poder chegar. 

Cada eclipse mexe em uma área da nossa vida. Pode ser que seja justamente essa área que você está tendo algum tipo de desafio. E sabendo que você vai receber essa energia, é hora de arrumar essa área. Arrume a bagunça para não acabar criando mais bagunça. Resolva tudo para plantar com consciência.

Vamos ter uma ênfase no eixo Câncer e Capricórnio.
Encontre no seu Mapa Natal esses signos, são essas áreas que estarão sendo mais influenciadas.
Você vai sentir essa vontade de organizar esse setor da sua vida.

Casa 1: você, sua personalidade, como você se mostra pro mundo, sua personalidade, iniciativa, aparência física.
Casa 2: finanças, como ganha e gasta dinheiro, seus valores.
Casa 3: irmãos, comunicação, pequenas viagens, intera
ções, trocas diárias.
Casa 4: mãe, família, lar, passado, raízes.
Casa 5: diversão, paixões, filhos, prazeres, expresão criativa.
Casa 6: trabalho, rotina, saúde.
Casa7: relacionamentos sérios, parcerias, nossa rela
ção com o outro.
Casa 8 transformações, desapego, valores do outro, assuntos místicos.
Casa 9: estudos aprofundados, viagens longas, filosofia de vida, religião, expansão do nosso conhecimento.
Casa 10: carreira, pai, objetivos e metas de vida.
Casa 11: amigos, grupos, coletivo.
Casa 12: espiritualidade, subconsciente.

Dia 5 de janeiro às 23:43 no signo de Capricórnio.
Eclipse Solar parcial com Lua Nova: momento de plantar.
Lua Nova: começar, criar coisas novas, dar o primeiro passo, colocar a semente do seu objetivo. Momento perfeito para fazer Mapa dos sonhos. Já expliquei nesse post, só clicar aqui.
Independente de onde você estiver, faça no mínimo uma mentalização positiva sobre o que você quer.
Do eclipse do dia 5 até dia 21 é  um momento de observar e cuidar da sua semente.

Dia 21 de Janeiro às 3:13 no signo de Leão.
Eclipse Lunar total
Esse vai mexer no eixo Leão – Aquário.
O mesmo dos eclipses do ano passado.
Por isso pode representar um resgate cármico de 2018, o Universo dá dicas do que fizemos certo ou errado durante o ano passado e assim podemos melhorar a situação.
Ele também demonstra os resultados, os acertos, de acordo com os seus objetivos e metas que você escolheu plantar na Lua Nova do dia 5. O que você precisa aprimorar, melhorar. Conseguimos enxergar o que está bom, o que não está.

Dia 2 de julho às 16:24   no signo de Câncer.
Eclipse Solar total
Momento de fortalecer energeticamente o que já foi plantado. Potencializar o que começou a criar no eclipse do dia 5 de janeiro. Se não criou nada, não deu certo ou não está fluindo. Plantar agora com bastante força, algo que seja mais alinhado com o seu propósito.

Dia 16 de julho às 18:32 no signo de Capricórnio.
Eclipse Lunar total
Momento de observar com clareza os acertos ou erros para potencializar a energia do que plantamos.

Dia 26 de dezembro às 03:19 no signo de Capricórnio.
Eclipse Solar anelar
Criação e preparação para a grande criação de 2020 que será finalizado no mês de março.

2019: ano regido pelo planeta Marte.

Marte rege Áries e Escorpião.
Dia 1 de janeiro Marte entrou no signo de Áries.
E dia 31 de dezembro Marte estará saindo do signo de Escorpião.
Coincidência?
Esse será um pacote vibracional perfeito pra gente fazer e acontecer naquilo que consideramos importante na nossa vida e também desapegar do que não vale a pena.
É um ano com muita força de iniciativa e garra. Arrume o que precisa arrumar e comece. Inicie, dê o primeiro passo.
2019 é a construção da vida que queremos, é o momento de decidir escolhendo com a alma.

Seu livre arbítrio sempre será mais forte que qualquer coisa.

eclipses 2019

ATUALIZAÇÃO: Esse desafio foi feito em Janeiro de 2019. E todos os dias do desafio estão em um destaque chamado gratidão no meu Instagram: @carlinhaalmeida.

Retirado do livro: A Magia de Rhonda Byrne.

O Desafio:
28 dias de exercícios da gratidão.
Todos os dias um exercício diferente.
Os 28 dias consecutivos servem para que possamos transformar a gratidão em um hábito diário.
Os primeiros 12 exercícios serão para agradecer o que já temos na vida.
Os 10 seguintes, são para materializar os nossos desejos e aquilo que queremos.
Os últimos 6 exercícios são para aprendermos sobre o poder da gratidão para ajudar pessoas, solucionar problemas e anular situações negativas na nossa vida.
Se por acaso não conseguir fazer 1 dia, volte 3 dias e refaça os exercícios.
Alguns são feitos para o período da manhã, outros são ao longo do dia e outros pela noite. Mas isso eu vou avisando e explicando nos meus stories (@carlinhaalmeida).

Praticar a gratidão é uma forma de alcançar nossos sonhos e melhorar qualquer área da nossa vida: saúde, finanças, carreira, e relacionamentos.

Após 28 dias, teremos reprogramado nosso cérebro e implantado a gratidão no nosso subconsciente.
Bora? Vou postar todos os dias nos meus Stories @carlinhaalmeida pra quem quiser acompanhar

  • Primeiro  passo: pegue papel e caneta e faça uma lista de tudo que você quer.
    É muito importante sabermos o que realmente queremos na nossa vida para poder realizar.

    REFLITA SOBRE QUEM VOCÊ QUER SER, O QUE VOCÊ QUER FAZER E TER em todas as áreas que você considera importante na sua vida.
    Liste apenas os seus desejos, pode ser bem específico e detalhado no que quer, mas o como será feito, essa é a parte mágica da gratidão.
    Faça a lista dos sonhos que você deseja realizar ao longo da vida toda. Podem ser sonhos menores e mais rápidos de realizar quanto aqueles sonhos mais a longo prazo. O que quer realizar nesse mês, nesse ano e nessa vida.
    Pode dividir por categorias:
    Saúde e corpo
    Carreira e trabalho
    Financas
    Relacionamentos
    Desejos pessoais
    Bens materiais
    Viagens

Quando temos clareza daquilo que queremos em nossa vida, conseguimos fazer com que o poder mágico da gratidão realize.

  • Exercícios para fazer todos os dias de manhã e de noite.

Exercício da manhã: agradecer por 10 bênçãos da sua vida. Após escrever os 10 itens, releia todos dizendo a palavra obrigada 3x após cada item.

Exercício da noite: encontre uma pedra para te acompanhar durante esses 28 dias. Deixe a pedra no seu quarto onde você possa vê-la e todos os dias antes de dormir segure a pedra e agradeça pela melhor coisa que aconteceu durante o seu dia.

Depois dos 28 dias você pode fazer o exercício focado em alguma área específica que você deseja desenvolver mais.

A Magia de Rhanda Byrne

A Magia

Oi gente, a partir de várias conversas pelo direct do meu instagram (@carlinhaalmeida) decidi fazer um post que acho que vai ajudar muita gente.
A ansiedade anda fazendo parte da nossa vida, tudo está muito acelerado, são muitas informações a todo tempo e estamos sempre querendo viver lá na frente, no futuro.
Mas o futuro não existe, só temos o agora.
E a única forma de combatermos a ansiedade é estarmos presentes no AQUI e AGORA.
Baseado nisso, resolvi mostrar aqui tudo que nos ajuda a centrar em nós mesmos e combater esse sentimento que não nos faz bem.

Livros

Livros são fontes infinitas de conhecimento. Podemos aprender sobre qualquer assunto, encontrar explicações para os nossos questionamentos, soluções para as nossas dúvidas e, inclusive, aprender a viver no presente. Vou colocar aqui 3 livros que ajudam nesse processo:

Capa do livro O poder do Agora de Eckhart Tolle

O Poder do Agora

PODER DO AGORA – ECKHART TOLLE: Esse foi o livro que mudou a minha forma de ver o mundo, porque eu compreendi como a minha mente funciona e também descobri que eu não sou a minha mente, não sou o que essas vozes na minha cabeça ficam falando. Ansiedade, estresse, preocupação e tensão são causadas por excesso de futuro. Fiz um post ano passado sobre o livro: 10 lições sobre o livro “O poder do agora”.

 

 

Livro Viva com leveza

Viva com Leveza

VIVA COM LEVEZA – KAREEMI: Livro espetacular, do início ao fim. Recomendo muito a leitura desse livro, mas aqui vou falar de uma parte específica do livro, onde a autora fala sobre ansiedade.
A ansiedade é um dos impedimentos das pessoas viverem em paz, com leveza e plenitude. A ansiedade nos tira do momento presente, acaba com a nossa calma e também pode tirar o nosso sono. Segunda a autora, é a ansiedade a verdadeira origem de muitos transtornos e doenças como: síndrome do pânico, compulsões, déficit de atenção, bipolaridade. Viver ansioso é um sofrimento, e você só acabará com essa sensação quando realmente se empenhar em vencê-la. E para vencê-la você precisa de persistência, paciência, força de vontade e disciplina.
A autora utilizou 4 passos para sair da ansiedade:

  1. Voltar ao momento presente: quando se pegar perdido em pensamentos do futuro, respire fundo e repita a frase: “Eu estou no presente, é nele que eu vivo e só este momento existe”
  2. Ter paciência com você: seja amoroso e compreensivo com o que você sente e seja persistente.
  3. Meditação: melhor remédio contra a ansiedade (e eu concordo muito com a autora), é necessário disciplina e muita força de vontade.
  4. Atividades meditativas: atividades que necessitam da sua atenção plena como: natação, pilates, dança, ioga.

O principal de tudo é você querer realmente acabar com a ansiedade, a partir daí, você corre atrás daquilo que dá certo para você, e pratica essas coisas.
Querer é poder!

Livro Ansiedade como enfrentar o mal do século

Ansiedade

ANSIEDADE, MAL DO SÉCULO – AUGUSTO CURY: Esse é um livro que apresenta a teoria da ansiedade, no início ele é um pouco mais teórico, mas do meio para o fim o livro fica bom mesmo. O autor fala sobre os níveis de ansiedade, que ele chama de SPA ( Síndrome do Pensamento Acelerado), fala sobre as consequências disso e depois apresenta algumas técnicas para ajudar na ansiedade. Achei interessante também que ele fala sobre a nossa educação e dá algumas dicas para professores.

 

3 páginas matinais

Esse é um exercício que aprendi com o livro: Encontro com o artista. E eu achei fantástico porque dá um super alívio mental. Parece uma drenagem mental mesmo. Essas 3 páginas se baseiam em escrever literalmente tudo e qualquer coisa que passar na sua cabeça. E encher 3 páginas. Pode ser qualquer coisa mesmo, não existem regras e assim você pode escrever o que quiser, da forma que quiser, sem a sua mente ficar julgando se está bom ou não. Meu primeiro dia foi estranho, mas hoje já fazem 4 semanas que estou fazendo e é espetacular. Recomendo muito. E pra quem tem ansiedade, pode colocar no papel tudo que está preocupando e causando toda essa inquietação e ansiedade. Você pode inclusive encontrar algumas respostas que você está buscando. 3 páginas, do que vier na sua cabeça, de manhã ou à noite (perfeito pra esvaziar a cabeça e ter um sono mais tranquilo).

Autoconhecimento

Se autoconhecer é fundamental para nos entendermos, sabermos como somos e conhecer as coisas que nos deixam ansiosos. Autoconhecimento é a chave para a nossa liberdade. Eu iniciei minha caminhada pela Astrologia. Foi por ela que consegui expandir a minha mente e descobrir sobre a minha vida e meu ser. Mas existem várias formas disso acontecer. Procure algo que você goste.

Meditação

Eu sempre recomendo. Meditação é uma forma de autoconhecimento, de diminuir nossos pensamentos e conseguir escutar nossa intuição. Eu comecei a meditar em julho do ano passado e minha vida inteira mudou, pra muito melhor. Quando eu falo pra pessoa meditar, 90% das vezes recebo como resposta: nâo consigo, minha mente é muito agitada. É exatamente por isso que a pessoa precisa meditar, para acalmar essa quantidade de pensamentos. A meditação resolve 80% dos nossos problemas, e para combater a ansiedade, meditar é com certeza o melhor remédio. Como meditar? Existem várias formas de meditar, recomendo iniciar através da meditação guiada, existem milhares no youtube. Tem apps: insight timer, Zen, Vivo meditação. Nesse post eu explico mais a fundo sobre meditação: Meditação não é parar de pensar.
Quando meditar? Qualquer momento, se você está perdendo seu sono pra ansiedade, recomendo meditar antes de dormir.

Ajudas extras

Outras coisas que temos disponíveis para nos ajudar na cura da ansiedade são:
– Incenso: Lavanda e Maracujá (relaxante e calmante).
– Óleo essencial: lavanda, colocar um pingo no travesseiro.
– Chá de camomila, Melissa: beber antes de dormir
– Natureza: ir pra natureza ajuda a gente a descarregar nossas tensões e recarregar nossas energias. A cor verde é altamente curativa e na natureza é a cor predominante.
– Cristais: Ametista, Água Marinha, Quartzo Branco. Existem muitos outros, mas são esses que eu mais uso para me conectar, para meditar e são essas que tenho sempre perto de mim dentro de casa.
– Mantras: Qualquer mantra ajuda a acalmar, mas eu gosto muito desse que é um healing (cura) para a mente: Ajai Alai (mental healing).

Um super beijo pra vocês e lembrem-se de que vocês são maiores e melhores que a sua mente.

%d blogueiros gostam disto: