Sempre gostei de ler sobre signos, mas quando entrei nesse mundo da Astrologia foi amor à primeira vista. Ela pode ser um dos passos do autoconhecimento. É muito legal saber onde você tem mais chances de dar certo e poder focar no que é melhor para gente.

Somos todos inconscientemente atingidos pela astrologia. De dois em dois dias a lua troca de signo e somos influenciados por ela. Por exemplo, quando a lua está em Escorpião, a gente sente aquele baque de que parece que nada está certo; quando a lua está em Áries, o pessoal já se sente mais impulsivo e até rola umas brigas heheheh; quando tá em Câncer, fica todo mundo mais sentimental e chorão; quando tá em Libra, todo mundo se sente lindo; em Leão, que é capaz de fazer tudo que quer. E assim vai..

Quando comecei a acompanhar esses movimentos que os planetas fazem e nos influenciam, comecei a me entender melhor. Porque não era minha vida que tava um caos, era só a lua passando por um signo hahaha. E saber disso é maravilhoso.

Astrologia é o estudo dos astros, dos planetas e em como eles influenciam nossa vida.

Um mapa astral mostra várias coisas sobre nossa personalidade, sobre nossos pais, nossa infância, nossa faculdade, amigos, espiritualidade, viagens e até nosso futuro. É uma forma de encontrar talentos dentro de si e desafios escondidos e inesperados.

A gente consegue se entender, profundamente, e assim é possível trabalhar nossos pontos negativos em prol de uma vida melhor e mais fluída. E foi assim que me apaixonei pela astrologia.

O nosso signo solar é uma parte importante da nossa personalidade, mas ele não é tudo. Temos todos os signos em algum lugar do nosso mapa e ainda temos os planetas que também nos influenciam e muito. Ou seja, somos seres complexos.

Os planetas mostram as características básicas, os signos mostram como essas características são expressadas e as casas do mapa mostram em qual aspecto da nossa vida essas características se manifestam.

Significados-chave de cada planeta e cada signo*:

Sol – Noção de identidade
Lua – Noção de participação em grupo
Mercúrio – Processos de pensamento
Vênus – Modo de amar
Marte – Instinto de sobrevivência
Júpiter – Anseio de progresso e aprendizado
Saturno – Consciência das limitações
Urano – Busca de independência
Netuno – Anseio pela unidade
Plutão – Capacidade de transformação

Áries – Início, ação, impetuosidade
Touro – Praticidade, estabilidade
Gêmeos – Comunicação, flexibilidade, curiosidade
Câncer – Sensibilidade, proteção
Leão – Criatividade, orgulho, confiança
Virgem – Discernimento, perfeccionismo
Libra – Equidade, empatia
Escorpião – Intensidade, paixão
Sagitário – Exploração, crenças
Capricórnio – Ambição, responsabilidades
Aquário – Independência, consciência social
Peixes – Compaixão, idealismo

Estou estudando bastante, então logo terá mais coisas sobre Astrologia por aqui 🙂

Um beijo de uma canceriana com ascendente em Câncer. Basicamente emoção pura heheh, e sabendo disso, estou sempre tentando controlá-la e usá-la da melhor maneira.

*Fonte: Sue Merlyn

Ano passado, comecei a pesquisar sobre pedras e cristais que ajudam a dissipar a energia negativa dos ambientes. Após muitas pesquisas na internet, renasceu em mim esse amor por pedras. Quando pequena gostava de juntar pedrinhas bonitinhas do chão (na fazenda dos meus pais), mas naquela época não sabia que elas poderiam ter um significado.

Os cristais gravam informações e são capazes de repeti-las de forma estável e duradoura. Possuem um alto poder energético, pois são uma das mais puras manifestações da energia divina aqui na Terra.

Como escolher um cristal?
Você pode pesquisar a pedra com um significado específico que deseja na internet e ir na loja comprar. Pode ir na loja e ficar perguntando todos os significados das pedras para o vendedor ou, simplesmente, entrar na loja e aquele que te chamar mais atenção com certeza será aquele que você está precisando no momento.

Vamos seguir mais nossa intuição? Ela existe por algum motivo.

Quando compramos um cristal, precisamos retirar as energias que estão acumuladas nele.
Como limpar cristais (Existem outras técnicas, mas essa é a que eu uso):

  • Coloque seus cristais em um recipiente transparente com água e sal grosso;
  • Deixe de molho por algumas horas;
  • Lave com água corrente;
  • Deixe uma noite à luz da lua;
  • E um dia à luz do sol;
  • Depois desse processo você precisa programar seu cristal, colocar nele as intenções que você deseja. Por exemplo: você pode programar seu cristal com uma energia de harmonia e paz para o seu lar para que ele fique vibrando e repetindo esse padrão de energia nos ambientes em que as pessoas mais circulam. Assim, com o passar do tempo, as pessoas vão assimilando essas energias mesmo sem saber.

Como programar um cristal:
Segure o cristal na mão e mentalize a energia que você deseja que ele vibre, pode ser o que você mais está precisando no momento: amor, amizades, harmonia, paz, plenitude, prosperidade, reforma íntima, evolução espiritual, cura, alegria, saúde, sucesso profissional ou até para encontrar a missão de vida da alma, ou seja, qualquer coisa que você quiser naquele momento.

As primeiras pedras e cristais que comprei foram assim: pesquisei na internet algo específico, fui na loja, enchi o vendedor de perguntas e fui comprando.
Depois que já tinha mais informações sobre o assunto e seguindo a dica da Invertisa, entrei na loja e comprei as que mais me chamaram atenção. E é sobre essas duas pedras que vou escrever hoje.

Quartzo Rosa

É a pedra do amor próprio. Ele estimula o autoconhecimento, a autoconfiança, o perdão, a aceitação, o amor pelo amor, o amor pelo sentimento e a paz que ele traz ao nosso corpo, mente e coração. Porque para dar amor é preciso primeiro amar-se. Quando nós nos amamos, conseguimos doar amor e fortalecer laços amorosos com outras pessoas.

IMG_1262

Quartzo Branco

É considerado um dos cristais de maior valor espiritual. Só de estar perto dele (devidamente limpo e energizado, é claro) você já absorve as energias positivas e sente o afastamento das negativas. O uso na meditação é a forma mais eficaz e lúcida de utilizar seu quartzo branco. Você deve colocá-lo sobre o chacra que pretende ativar. Ele irá imediatamente restaurar o equilíbrio do chacra e dos campos que ele envolve, auxiliando no processo de cura.

IMG_1866

A Startup de 100 dólares, de Chris Guillebeau, é um daqueles livros que te faz ter mil ideias. É bom ter papel e caneta do lado durante a leitura porque as ideias vão surgir.

Esse livro é para pessoas que estão querendo abrir uma empresa, lançar seu próprio projeto, aquelas que estão meio sem rumo na vida e também para aqueles que estão infelizes no emprego atual.

Pode ser que lendo esse livro você tenha a ideia que faltava para você iniciar um novo negócio ou até se reinventar.

E vai além disso, já se imaginou trabalhando com aquilo que você ama e de uma forma rentável? 

Ideias vão surgir e uma delas pode ser a ideia da sua nova empresa, do seu novo projeto de vida.

É um livro cheio de cases, que acima de tudo te dá dicas objetivas de como iniciar um negócio. Ele demonstra formas bem fáceis e descomplicadas para iniciar um negócio. Como, por exemplo, o plano de negócios de uma página só.

Uma das melhores dicas do livro é a de fazer uma lista de todas as suas habilidades que podem ser úteis para alguém.

O valor do seu negócio significa ajudar as pessoas de alguma forma, valor se relaciona com as necessidades emocionais. Você pode dar alegria, saúde, segurança. É preciso focar nisso e daí sim desenvolver o seu projeto.

“Produto ou serviço: é o que você tem para vender.
Pessoas dispostas a pagar: são seus clientes.
Um jeito de ser pago: como você trocará o produto ou serviço por dinheiro”.

“Comece hoje, invista amanhã”.

“Paixão ou habilidade + utilidade = sucesso.”

“A questão é fazer o que faz sentido para você. Levante-se de manhã e ponha a mão na massa. Crie algo sobre o qual vale a pena falar e comece a espalhar a notícia. Quem você conhece? Como eles podem ajudar? E, é claro, certifique-se de sempre ajudar os outros”.

“Uma grama de ação vale uma tonelada de teoria”.

É uma boa leitura, super interessante, didática e prática 🙂

FullSizeRender 4

Capa do livro o poder do hábito de Charles Duhigg

O Poder do Hábito, de Charles Duhigg, mais um livro que li e que vale muito a pena dividir com vocês as ideias principais deste livro. Ele cita vários, inúmeros estudos sobre o hábito. Vários cases de várias pessoas que têm o hábito como principal assunto.

O cérebro cria hábitos para aliviar a quantidade de informações que ele precisa. Como, por exemplo, dirigir: você tem que entrar no carro, girar a chave, engatar a marcha, fazer mudanças, cuidar o retrovisor, olhar para frente, cuidar os outros, apertar embreagem, freio, acelerador. As primeiras vezes na vida que você dirige parece ser muita coisa, mas depois é normal, comum, fácil, porque o cérebro já assimilou todas as novas informações e dirigir já virou um hábito.

Nossos hábitos influenciam diretamente em tudo que fazemos na vida. O modo como comemos, dormimos, falamos, como gastamos nosso tempo, dinheiro e atenção.

Como criar ou mudar um hábito?

Para modificar um hábito você precisa decidir mudá-lo. Você precisa possuir o controle e ser autoconsciente o bastante para usá-lo. Então, uma vez que você entende que os hábitos podem mudar você tem a liberdade e a responsabilidade de transformá-los.
Para mudar ou criar um hábito basta apenas uma coisa: querer e muito. E isso é em tudo na vida. Na sua forma de se alimentar, nos exercícios físicos, na maneira de trabalhar, de viver a vida, parar de fumar, emagrecer.
Podemos aplicar isso em qualquer área das nossas vidas, em qualquer assunto, em qualquer coisa, seja na sua empresa ou na sua vida pessoal. Basta querer, querer de verdade a mudança. Nem sempre é fácil, mas se você quiser mesmo e colocar isso como um objetivo na sua vida, vai acontecer, vai se tornar um hábito.

Coloque algo novo em prática como um objetivo e siga até ele se tornar um hábito. Você deve fazer por onde.
No início, ás vezes, temos que nos forçar a fazer as coisas, mas um dia vira hábito e você vai achar normal.

Mudar um hábito para melhor pode ser algo que inicia pequeno e se torna enorme no final. Pois, um hábito saudável vai criando outros hábitos saudáveis.
Eu, por exemplo, parei de tomar refrigerante em 2012. Comecei com uma promessa inquebrável onde não poderia tomar refrigerante durante um ano. Foi bem difícil no começo (extremamente difícil), nos primeiros 6 meses eu sonhava que estava tomando até refrigerantes que não costumava tomar. Depois, aos poucos, a vontade foi desaparecendo. Após um ano, eu tomei um copo de Coca-Cola e consegui perceber o quanto era doce e ruim. Pronto, resolvi que nunca mais beberia refrigerante na vida. Sem contar as informações que começaram a aparecer sobre os malefícios do refrigerante.
Ao retirar o refrigerante, eu aprendi na marra a comer sem tomar nenhum líquido (porque comer pizza com suco não tem muita graça), e comer sem ingerir líquidos ajuda muito na digestão dos alimentos. Resolvi começar a academia. Quando comecei a academia, senti necessidade de melhorar minha alimentação e procurei uma nutricionista. Comecei a comer nozes, castanha do Pará, amêndoas, orégano, pimentas, gengibre, coisas que eu não era acostumada (hoje comer esses alimentos já virou um hábito, como todos os dias, sempre tem em casa). Foi um hábito puxando o outro.
Hoje em dia, eu acho muito estranho as pessoas perto de mim tomando refrigerante, porque todos sabemos o quão mal faz à saúde. Porém, respeito que cada um tem o seu momento de consciência.

Comecei nessa caminhada do autoconhecimento e despertar da consciência e lendo sobre percebi que a carne não faz muito bem para a saúde física e mental. Resolvi diminuir a carne da minha vida e ficar alguns dias sem comer também. O que aconteceu? Meu sono melhorou e muito. Antes eu estava sempre cansada, sentia muito sono. Toda segunda-feira era difícil acordar, claro, todo domingo tinha churrasco. Também inclui a meditação na minha rotina diária e quem faz sabe as mudanças de vida que provocam.
Outro hábito que resolvi criar na minha vida foi o de ler livros. Iniciei com um livro por mês, depois aumentei pra dois e agora estou quase conseguindo ler 4 livros por mês. Virou um hábito para mim ler livro em qualquer lugar, em qualquer momento. Leio de manhã cedo, enquanto espero alguma coisa, em vez de ficar no celular, eu leio e antes de dormir leio mais um pouco.

Então, a dica é começar com algo pequeno. Inicie com objetivos pequenos e vá aumentando. Aos poucos vai virando hábito e você vai achar normal uma coisa que antes parecia impossível.

Se você quer, você consegue.

Aqui duas citações retiradas do livro: O Poder do Hábito – Charles Duhigg

“Alguns hábitos têm o poder de iniciar uma reação em cadeia, mudando outros hábitos conforme eles avançam através de uma organização. Ou seja, alguns hábitos são mais importantes que outros na reformulação de empresas e vidas. Estes são os “hábitos angulares” e eles podem influenciar o modo como as pessoas trabalham, comem, se divertem, vivem, gastam e se comunicam. Os hábitos angulares dão início a um processo que, ao longo do tempo, transforma tudo”.

“Uma vez que uma pequena vitória foi conquistada, forças que favorecem outra pequena vitória são postas em movimento. Pequenas vitórias alimentam mudanças transformadoras, elevando vantagens minúsculas a padrões que convencem as pessoas de que conquistas maiores estão dentro de seu alcance”.

FullSizeRender 3

O ano de 2017 está sendo de muitas transformações.
Podemos achar, às vezes, que essas transformações são dolorosas e tristes,  porém,  saiba que todas as experiências são sagradas. Alguma coisa elas estão tentando nos ensinar. Elas vem para que a gente consiga evoluir.
Devemos ter em mente que as pessoas e as coisas são livres, não devemos nos apegar a nada. O que é nosso será nosso. Vale lembrar que não precisamos de muito pra ser feliz, porque a felicidade e a paz estão dentro da gente.
Devemos ter cuidado com nossos pensamentos. Eles são poderosos, são eles que criam a nossa realidade, principalmente, são eles que ditam nossos sentimentos. Se ficarmos focados em pensamentos ruins, isso terá um reflexo na nossa vida. Se você está triste, chateado ou com raiva de alguém é a sua vibração que baixa, é você quem será afetado com coisas negativas. Ficar remoendo coisas só faz com que você se sinta pior e coisas ruins aconteçam com você.

Temos que aprender a não revidar as coisas com raiva, rancor ou vingança quando as coisas não são ou estão como queremos. Não podemos julgar o outro, cada um faz as coisas como sabe, ou como quer. Talvez eles ainda não enxerguem a beleza da vida. Se nós a vemos, não podemos deixar as atitudes dos outros influenciarem as nossas vidas e tirarem a nossa paz. Talvez aquilo que te incomoda no outro seja algo que você tenha que rever internamente e resolver com o seu interior e não com o outro.

Devemos purificar a nossa mente. Estamos no Universo e o Universo está em nós. Temos que aprender a utilizar a mente, se não ficaremos apenas repetindo velhos padrões.

O nosso karma significa ação,  é algo que você produz, que você faz. Um pensamento, uma palavra, uma ação que causa um retorno.   

Logo, logo teremos um eclipse solar, no dia 21 de agosto.
Então, vamos aproveitar esses dias antes do eclipse para refletir sobre a vida, sobre mágoas, rancores e sentimentos negativos que podem ter ligação com o nosso passado. Você precisa perdoar, deixar para trás esse peso e estar completamente aberto e livre para receber essa energia. Porque, durante esses dias, estaremos plantando nossas sementinhas para mudarmos o nosso mundo, o nosso futuro.

É tempo de refletir, interiorizar, fazer um detox mental e nos libertar das feridas para assim elevar a nossa vibração.

Uma meditação muito interessante de fazer é a Ho’oponopono: uma técnica havaiana para limpar e purificar suas memórias de dor através do perdão.
Primeiro você purifica suas memórias de dor com a meditação de puro perdão. Depois inicia o processo de limpeza das memórias com o mantra do Ho’oponopono e por fim, limpa e purifica as recordações dolorosas que tocam repetidamente na sua mente através da poderosa oração de Ho’oponopono.

Mantra do Ho’oponopono: Sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grato.

Quando você diz “Sinto muito” você quer o perdão interior pelo o quê lhe trouxe aquilo.
“Me perdoe” você não está pedindo a Deus para te perdoar, você está pedindo a Deus para te ajudar a se perdoar.
Te amo” transmuta a energia bloqueada (que é o problema) em energia que flui, religa você ao Divino.
Sou grato” ou “Obrigado” é a sua expressão de gratidão, sua fé que tudo será resolvido para o bem maior de todos os envolvidos.

“Quando estamos dispostos a assumir 100% da responsabilidade e deixar ir, o que é certo e perfeito se desenrola”.

Buda disse:  “Se achar que isso é bom põe em prática, se achar que não presta, jogue fora.” Hoje senti que deveria escrever sobre isso. Espero que tenha ajudado alguém e, principalmente, aqueles que estão com o coração apertadinho. Vamos mudar essa energia e transformar nossas vidas. Ser feliz só depende de você. Um beijo no coração de cada um que leu. 

FullSizeRender 2

Como o propósito do blog é compartilhar com vocês as coisas que me fazem bem, decidi contar aqui a minha rotina matinal. São coisas bem simples mas que ajudam na saúde mental e física.
São quatro coisas que faço logo que acordo.

  • Tomar água com limão e própolis. O limão ajuda a desintoxicar o organismo, ajuda na digestão e fortalece o sistema imune. Como benefício extra também pode acabar ajudando no emagrecimento. Já o própolis, eu comecei a tomar porque descobri que ele ajudava na sinusite, mas depois acabei descobrindo que ele ajuda na imunidade: é anti inflamatório natural, antibactericida natural, antiviral, ajuda em todas as doenças das vias respiratórias. Resumindo, é maravilhoso e acabei adicionando o própolis aos meus hábitos diários. Desde que comecei a tomar própolis, não fiquei mais gripada nem tive sinusite.
  • Spirulina e Chlorella. As duas são algas superfoods (super alimentos). A Spirulina foi considerada pela Organização Mundial da Saúde como o “melhor alimento para o futuro” por causa da sua grande riqueza nutricional. Ela é a maior fonte de proteína do mundo e ainda tem fibras, minerais, antioxidantes, óleos essenciais, aminoácidos e vitamina B1, B2, B3, B5, B6, B7, B9, B12, vitamina C, D e E. Já  a Chlorella é a maior fonte de clorofila do planeta. Ela promove a renovação celular, elimina impurezas do organismo, ou seja, desintoxica o organismo. Além disso, contém os Ômegas 3, 6 e 9 que são ideias para fortalecer o sistema imunológico, o que evitam várias doenças. Por ter tantos benefícios, ela é um dos alimentos dos astronautas. Eu compro as minhas pela internet, mas tem em lojinhas de alimentos naturais e também é  possível manipular em farmácias de manipulação. E como um super bônus, as duas algas ajudam na expansão da consciência, mas isso é assunto pra outro post.
  • Meditação. Gosto de meditar durante a parte da manhã, principalmente logo que acordo, para iniciar o dia bem e conseguir focar totalmente no agora durante a meditação. Parece que o dia já começa fluindo e fica bem mais leve. Eu iniciei a meditação durante a noite, utilizava aquelas meditações guiadas do youtube para relaxar e dormir. Agora prefiro meditar durante a manhã, se não consigo, tudo bem, meditação é boa em qualquer horário do dia. O importante é meditar. Fiz um post já falando sobre meditação, quem quiser ver pode clicar AQUI.
  • Leitura.  Depois de meditar, a mente fica mais tranquila e vazia. Esse é um ótimo momento pra poder absorver conhecimento. Por isso, gosto de ler uns 20 minutos toda a manhã. Ao longo do dia vou lendo quando tenho tempo também, mas durante a manhã consigo assimilar mais o conteúdo do livro.

 

Essas são coisas que tem me feito muito bem. São novos hábitos que eu quis acrescentar na minha vida e estão valendo a pena. Fica aí a minha dica.
Qualquer hábito que você quiser desenvolver pode ser criado, basta ter vontade e decidir que é isso que você quer pra sua vida. Vou fazer um post falando sobre o livro “O Poder do Hábito” daqui uns dias.
E vocês, tem algum hábito saudável pra dividir comigo? Quero saber, me contem.
Espero que vocês tenham gostado desse tipo de post 🙂 Um beijo :*

Nascer do sol

Nascer do sol aqui de casa

A natureza é um dos caminhos para a conexão com o nosso ser mais profundo.

Sobre a trilha

A trilha começa pela praia de Pântano do Sul onde deixamos o carro, na rua Manoel Pedro Oliveira, uma pequena via à esquerda da SC-406, uns 400 metros antes de chegar na praia de Pântano. Outras formas de chegar até a Praia da Lagoinha do Leste é por barco ou pela praia de Matadeiro que é mais longa que por Pântano.

A primeira parte da trilha que é até a praia é razoavelmente tranquila, apenas no final é que fica um pouquinho mais difícil mas, com certeza, qualquer um pode fazer. São 2,2km de extensão, mais ou menos uns 50 min de caminhada.
A praia é linda, maravilhosa, preservada, não tem nada lá, nem comida, nem banheiro hehe. O dia que fomos tinha muito vento. É bom levar muita água – pelo menos 1 litro por pessoa -, levar comidinhas também, sugiro frutas com bastante água: laranja, bergamota, maçã, pêra.

A segunda parte da trilha, que é até o Morro da Coroa, é um percurso bem puxado, em algumas partes até parece uma escalada. Pedras e areia soltas, muitas partes eu subi de 4 pés hehehehe. Dá, mais ou menos, 1 hora de subida. Pra essa trilha é bom ter um preparo físico melhor, ou pelo menos praticar algum exercício regularmente porque, sinceramente, eu sofri um pouco pra subir e descer. Sim, temos que descer de lá! Aí a perna começa a tremer, mas tem que concentrar e ir. A vista lá de cima é muito linda. Dá pra ver a lagoa e a praia. É uma aventura. Tem que ir de tênis, passar protetor solar e muuuuita água. Essa foi nossa primeira trilha aqui em Floripa, mas logo, logo faremos mais.
Você não precisa vir até Florianópolis, em Santa Catarina, para entrar em contato com a natureza. Aposto que na sua cidade tem algum lugarzinho bem preservado que é lindo e você pode aproveitar pra fazer essa conexão com a natureza.

Tire um tempo para olhar pro céu, para o pôr do sol, para as estrelas, para a lua, para as flores ou para uma árvore e apenas sinta. Não julgue, não dê nome, apenas dê sua atenção total para aquilo, olhe com curiosidade, com grande interesse e apenas sinta.

Resumo da trilha

Intensidade: Moderada (Trilha até a praia) e Difícil (Trilha até a pedra que todo mundo tira foto, no Morro da Coroa).

Locais de acesso: Pântano do Sul ou Matadeiro.

O que levar: Muita água e frutas ou comidinhas e protetor solar.

Roupas: Ir de tênis e de preferencia de calça, ajuda em alguns trechinhos.

Duração do passeio completo: Mais ou menos umas 4horas entre ir e voltar das duas trilhas. Isso seria uma trilha feita com bastante tranquilidade e momentos de descanso.

Aqui estão algumas fotinhos da nossa trilha e o vídeo que dá pra ter uma noção de como é a trilha.

O autoconhecimento não é fácil, não é rápido. É um processo lento e talvez até doloroso.

Conhecer seus medos, angústias e dores mais profundas não são sentimentos que queremos para nós. Às vezes, temos medo de deixar para trás algumas coisas, mas é só deixando ir que novas coisas podem chegar. Se autoconhecer é uma forma de acabar com medos e deixar a vida fluir como deve ser. Quando você se conhece, você sabe o que te deixa triste, você entende como sua vida está e porque está como está, entende como se portar num momento de muito estresse, consegue não se deixar influenciar por coisas banais, que te fariam sofrer à toa.

A caminhada de cada um é diferente, cada um tem o seu momento, tem a sua hora de iniciar esse processo. A minha já começou e estou a cada dia mais em paz comigo e com a minha vida. E me sentindo assim com ela, a vida parece que flui de forma natural.

Eu iniciei no autoconhecimento e fui parar no despertar da consciência. Como isso aconteceu? Foi mais ou menos assim:

  • Livros

Não sei bem quando iniciei minha jornada, mais ou menos uns 4 meses atrás, e os livros “Propósito” e “O Poder do Agora” ajudaram muito no início do processo. Atualmente, estou lendo o livro “Um novo mundo – O despertar de uma nova consciência”.

  • Meditação

Depois inclui a meditação. Fazia muito tempo que eu queria meditar e sempre acabava deixando pra amanhã ou pro mês que vem. Quando resolvi que isso seria uma prioridade na minha vida, eu comecei, e tem sido uma experiência maravilhosa. Aquele momento de silêncio, de não pensar, ou melhor, deixar os pensamentos fluírem sem se apegar a eles é o meu momento, é onde eu sinto a paz dentro de mim e onde consigo ter novas ideias. E o mais importante da meditação foi descobrir que a felicidade está dentro de nós e não em algo ou alguém externo a nós.

  • Spirulina e Chlorella

Além disso, fazia uns 3 meses que eu tinha começado a  tomar “Spirulina” e “Chlorella”, que são algas, super alimentos que contêm tudo que nosso organismo precisa para sobreviver e para se renovar. E nessas minhas leituras, descobri que essas algas ajudam na expansão da consciência. Outro dia vou fazer um post falando só sobre essas duas algas.

  • Astrologia

Encontrei pelo instagram a Isa Mezzadri, astróloga, que tem o @invertisa. Ela posta bastante sobre isso e acabei me encontrando nesse meio. A identificação  começou porque tudo que está influenciando a lua, influencia minha vida também, as coisas que ela falava, fazia sentido pra mim porque realmente aconteciam.

  • Coincidências e a força do pensamento

Não acredito em coincidências, acredito que as coisas acontecem porque tem que acontecer. Às vezes precisamos passar por certas situações para aprender coisas das quais vamos precisar mais a frente nas nossas vidas. E todos que passam pela nossa vida tem algo a nos ensinar, sejam elas boas ou ruins.

Sempre acreditei no poder do pensamento, mas não sabia exatamente como usar. Só sabia que muitas coisas que eu queria do fundo do meu coração, aconteciam.

Um dos pontos principais sobre isso é: nossos pensamentos geram sentimentos. Por exemplo, quando estamos com medo nosso cérebro entende que há um perigo e prepara o nosso corpo para o ataque, enche nosso corpo de coisas que possam ajudar em alguma ação. O nosso cérebro não sabe a diferença entre nossos pensamentos e a vida real, o que realmente está acontecendo. E isso emana pro Universo. Outro exemplo é quando ficamos nervosos, geralmente dá uma tremedeira, alguns tem dor de barriga. Ou seja, o nervosismo se transformou num sentimento que afeta diretamente o corpo.

Então coisas que mudei foram:

  1. Parar de sentir medo. Não é nada fácil, aos poucos fui me conscientizando de que o medo não existe, porque o medo é algo criado pela mente com várias situações que talvez possam acontecer. Então o medo está no futuro, não sabemos exatamente o que vai acontecer. Quando algo acontecer só precisamos agir, saberemos como agir. Não precisamos ficar mirabolando várias situações.
  2. Parar de reclamar da vida ou situações. Enquanto estamos reclamando de alguma situação o Universo fica atrelado a esses sentimentos e fica mandando mais coisas das quais você vai reclamar.
  3. A meditação ajuda nisso também, porque aprendemos a deixar os pensamentos ruins passarem pela nossa mente sem a necessidade de nos conectar a elas.

Tudo isso me deixa a cada dia mais curiosa, e querendo aprender mais e mais. 

Próximas etapas: Praticar Yoga. Parar de comer carne (por enquanto aceito a situação de que ainda não consigo parar e apenas diminuir). Aprender a confiar nos meus instintos. Ler muito sobre todos os assuntos que me fazem bem. Descobrir o meu Dharma, o meu propósito de vida.

E lembre-se: Você está onde deveria estar. Tenha paciência e seja positivo. Algo sempre melhor está por vir. Faça aquilo que você acha que faz sentido para você.

“A verdade é tão grande, as palavras tão pequenas”. Sri Prem Baba

Deixo aqui a dica de um filme maravilhoso sobre a trajetória de Sri Prem Baba, o autor do livro “Propósito”.

Todos nós necessitamos ter um propósito na vida, se não o tivermos, sentimos que a vida não tem muito sentido e nunca ficamos satisfeitos com aquilo que temos. Podemos ter rios de dinheiro mas por dentro sempre vai existir aquele vazio, que nenhum dinheiro no mundo consegue preencher.

Esse livro, Propósito,  é muito amor, pois traz muitos ensinamentos sobre a vida. Sri Prem Baba diz que viemos ao mundo sabendo deste nosso propósito e aos poucos vamos o esquecendo, até não saber mais qual era o nosso propósito. A boa notícia que Baba nos dá é que existem formas de nos conectarmos novamente com o nosso propósito.

Separei aqui alguns trechos que me marcaram durante a leitura.

Sobre amor e felicidade:

“Nós temos a fonte de amor dentro de nós, mas acreditamos que precisamos receber esse amor de alguém”.

“A felicidade não está no futuro, nos bens materiais ou na opinião que os outros têm sobre nós. Ela está aqui e agora, dentro de nós”.

“Se há algo de real valor nesse mundo é o autoconhecimento. Esse é o caminho”.

“O propósito do ser humano é amar. Por isso sempre digo que tudo se resume ao amor”.

Sobre propósito:

“Se eu não tivesse que ganhar dinheiro nem agradar alguém, o que eu faria da minha vida? O que eu faria com o meu tempo?”.

“O coração está levando-o para a realização do seu propósito, da sua meta, do seu sonho maior. E para isso você precisa se libertar das pendências”.

“O coração fala através das sincronicidades, dos misteriosos sinais ou das aparentes coincidências que você não consegue explicar”.

Sobre persistência:

“Vamos supor que você tenha ouvido um comando, prestado atenção aos sinais da vida e decidido seguir por um determinado caminho. Naquele momento, sentiu que todo o universo estava a seu favor, porque tudo começou a acontecer de maneira fluida e fácil, sem esforço. Então você teve certeza de que esse era o caminho certo. Mas, no meio desse caminho, acontece alguma coisa. Um acidente ou algo que o deixa abatido. Nessa hora você se questiona: será que eu escolhi o caminho errado? Não necessariamente. É natural que estando no caminho do coração, alguns obstáculos e desafios surjam, e isso não significa que a sua escolha tenha sido equivocada. E a prova disso é justamente o fato de, no início, todo o universo ter conspirado a seu favor”.  

Sobre ansiedade:

“Uma pessoa que muito ambiciosa, que sonha com fama e poder, mas cuja realidade desenha caminhos completamente opostos a esse, no mínimo, torna-se ansiosa e angustiada. É comum que esse indivíduo carregue angústia e, dependendo da dimensão do conflito interno, é normal que haja depressão ou até mesmo outras doenças físicas e psíquicas. Isso ocorre porque por dentro a pessoa está sendo dilacerada: uma força a esta puxando para um lado, e a outra a está puxando para outro. O ego alimenta grandes expectativas, mas a alma não tem tantas ambições”.

Sobre dons:

“Para se desenvolver um dom precisa ser cultivado. Podemos dizer que plantamos dons para colher talentos”.

Sobre acumular dinheiro e bens:

“Esse desespero por acumular dinheiro e bens materiais nasce do esquecimento da verdadeira identidade. Sem ter consciência de quem somos, corremos atrás do poder material sem estabelecer nenhuma conexão com o propósito da alma. Essa distorção tem nos conduzido ao fracasso e ao sofrimento. Estamos sempre frustrados, sempre querendo algo mais”.

Sobre a vida e o tempo:

“É importante lembrar que a vida nesse corpo tem um prazo de validade muito curto. O tempo é aquilo que temos de mais valioso. Quando você menos espera, a vida passa, o jogo acaba, por isso não desperdice o seu tempo com coisas inúteis. Não se perca na ilusão de que precisa trabalhar muito para algum dia poder curtir a vida. Você não precisa conquistar o mundo para ser feliz. Você pode ser feliz agora, mesmo sem ter conquistado o mundo”.

“Isso que você está chamando de “vida real” é uma situação de vida criada por você e que você passou a considerar o seu mundo real. Você desenhou esse cenário, você escreveu o script no qual você está atuando e agora você se sente prisioneira dessa história, pois não consegue enxergar a vida de outra maneira. Mas se você é o autor da peça, você pode modificar o texto. É você quem escreve a sua história e dá sentido para ela. Talvez você não saiba que tem esse poder e por isso acredite ser uma vítima das circunstâncias, mas isso acontece porque você está sendo guiado pelo inconsciente. E essa guiança do inconsciente é o que você tem chamado de “destino”.

“Nossos pensamentos, palavras e ações constroem isso que chamamos de realidade. Portanto,  nós mesmos criamos as situações de vida, sejam elas confortáveis ou desagradáveis, felizes ou indesejáveis. E estando conscientes de que nós mesmos construímos cenários infelizes para as nossas vidas, podemos começar a transformar a situação”.

No final do livro ele apresenta alguns exercícios para você conseguir encontrar o seu propósito. O livro é fantástico, quem puder leia e me conte o que achou 🙂

O post ficou extenso mas o livro é tão maravilhoso dá vontade de postá-lo inteiro heheh! Um beijo pra quem leu tudo :*

Propósito

A meditação traz inúmeros benefícios para nossa saúde mental, emocional e física. Ela traz uma paz de espírito diferente de qualquer outra atividade. Vou citar aqui os 12 benefícios que eu considero os principais.

  1. Aumenta foco e concentração. A meditação faz com que você foque no aqui e agora. Assim, você melhora sua produtividade e eficiência.
  2. Autoconhecimento. A meditação pode fazer uma grande transformação pessoal. Você aprende a escutar o seu verdadeiro eu e não a sua mente.
  3. Reduz o estresse. A meditação ajuda você a manter o controle sobre as suas emoções.
  4. Aumenta sua criatividade. A meditação limpa a sua mente. Assim, você fica mais livre e receptivo a novas ideias.
  5. Desenvolvimento da consciência. Com a meditação diária, a consciência começa a se desenvolver. A expansão da consciência faz você viver no presente, abandonando o passado e todos os pensamentos de baixa frequência, aqueles negativos.
  6. Retarda o envelhecimento. Um estudo da Universidade da Califórnia comprovou que a meditação aumenta a telomerase, a enzima que retarda o envelhecimento celular e age alongando os telômeros, que são sequências de DNA situados no final dos cromossomos.
  7. Aumenta a imunidade. A meditação desencadeia mudanças psicológicas positivas, que resultam na melhoria geral da saúde.
  8. Desenvolve a intuição. Com a mente mais tranquila você consegue escutar o seu ser mais profundo, e é lá onde estão todas as nossas respostas.
  9. Combate a insônia. Meditando todos os dias, você consegue recuperar sua energia, diminuir o fluxo de pensamentos, a ansiedade e diminuir as preocupações. Sendo assim,consegue ter uma noite de sono muito melhor.
  10. Controla a ansiedade. Como você fica mais presente no agora, você deixa de sentir a ansiedade, que é o excesso de futuro na sua vida.
  11. Equilíbrio emocional. Você desenvolve uma habilidade maior em lidar com situações mais complicadas.
  12. Aumenta a produção de serotonina. O que melhora o seu humor e seu comportamento.

Para obter esses e muitos outros benefícios para sua vida, você precisa fazer da meditação uma prática diária. Pode ser 5 minutinhos por dia que já vai ajudar e muito a sua vida.

  • Como começar?

Você pode iniciar a prática com meditações guiadas no youtube para dormir, por exemplo.  É só escrever na barra de busca do youtube: “meditação guiada” e escolher a que você mais se identificar.

Com o tempo você muda essa meditação para a parte da manhã. É muito bom fazer ao acordar pois você já inicia o seu dia de uma maneira mais saudável e harmônica.

App para meditação: “Zen” e “Insight Timer”

Eu utilizo o aplicativo “Zen”, ele tem várias meditações guiadas e tem um desafio dos “21 dias de meditação”, onde você vai gradativamente aumentando o tempo de meditação e aprendendo como fazê-la. Ele é pago mas vale muito a pena, e não é caro. Você pode experimentar durante 7 dias gratuitamente e ver se gosta. Além disso, tem plano de assinatura de uma semana, um mês ou um ano.

Outro aplicativo bem legal é o “Insight Timer”. Ele é gratuito, a maioria do conteúdo dele é em inglês mas ele tem algumas meditações guiadas em português. O legal dele é que depois que você medita, pode ver quantas pessoas no mundo também meditaram junto com você. Esse app ainda conta com a opção de você fazer a sua meditação, que é em silêncio total, com timer e você escolhe o som que vai ouvir ao terminar a sua meditação.

Eu acho mais interessante pra quem ta começando utilizar o aplicativo “Zen” e depois passar pro Ïnsight Timer”.


A meditação é como uma sementinha. Você precisa ir cultivando com amor pra ela poder despertar e crescer. O mesmo acontece com a sua consciência que está dentro de você e precisa ser nutrida para se expandir.


Quem de vocês já medita ou está planejando meditar?

Um beijo pra cada um de vocês que leu s2

Processed with VSCO with p5 preset

%d blogueiros gostam disto: